ABCEM

Notícias

Siderúrgica do Pecém celebra início oficial das operações no Ceará
05/04/2017 | Fonte: G1

Com investimento de US$ 5,4 bilhões, a usina iniciou a produção de placas de aço em junho de 2016. Empresa trará incremento de 12% no PIB do estado.

Siderúrgica do Pecém celebra início oficial das operações no Ceará Siderúrgica do Pecém celebra início oficial das operações no Ceará.

Após quase quatro anos do início da construção, a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP), em São Gonçalo do Amarante, litoral do Ceará, celebra nesta terça-feira (4) o início oficial das operações. “A CSP é a realização de um sonho para nosso estado, com a geração de milhares de empregos diretos e indiretos. A empresa trará um incremento de 12% no PIB do estado e 48% no PIB Industrial” disse o governador Camilo Santana durante a solenidade.

A usina - localizada em uma área de 571 hectares, integra o Complexo Industrial e Portuário do Pecém (CIPP) - iniciou a produção de placas de aço em junho de 2016. A produção é voltada para geração de produtos laminados de alta qualidade para a indústria naval, de óleo e gás, automotiva e construção civil. A capacidade instalada é de 3 milhões de toneladas de placas de aço/ano nesta primeira fase do projeto.

Em fevereiro deste ano, a CSP completou um milhão de toneladas de placas de aço exportadas pelo Porto do Pecém. A marca foi atingida no início do mês com a partida do navio Star Challenger, carregado com 55.675 toneladas de placas de aço, tendo como destino final a empresa Sahaviriya Steel Industries, na Tailândia. Este é o terceiro marco de um milhão que a usina celebra. No ano passado, a siderúrgica atingiu um milhão de toneladas de ferro-gusa, no dia 20 de novembro; e um milhão de toneladas de placas de aço produzidas, no dia 28 de dezembro.

Constituída em 2008, a Companhia Siderúrgica do Pecém (CSP) é uma joint venture binacional formada pela brasileira Vale (50% de participação), uma das maiores mineradoras do mundo em minério de ferro, e pelas sul-coreanas Dongkuk (30%), maior compradora mundial de placas de aço, e Posco (20%), quarta maior siderúrgica do mundo e a primeira na Coreia do Sul. Com investimento da ordem de US$ 5,4 bilhões, a CSP é a primeira usina integrada no Nordeste e a trigésima instalada no Brasil.


voltar
Twitter
Facebook

Compartilhe

Cursos ABCEM

Banner
Banner
Banner